GEEM

O instrumento “Gestão do Esporte nos Estados e Municípios” (GEEM) foi desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Inteligência Esportiva (IPIE) da Universidade Federal do Paraná (UFPR), juntamente com a Secretaria Especial do Esporte (SEE), do Ministério da Cidadania.

O GEEM tem por objetivo levantar aspectos quantitativos e qualitativos do esporte promovido e desenvolvido pelas secretarias estaduais/municipais com o intuito de potencializar as ações dos diferentes entes federados, melhorar o nível de informação esportiva e possibilitar articulações futuras na área esportiva. Os dados estão sendo levantados em seis dimensões: Dados da Entidade, Governança, Recursos Humanos, Política para o Esporte, Instalações e Cultura Esportiva.

É importante destacar que o instrumento se pauta na proposta preliminar de reforma do Sistema Esportivo Brasileiro, apresentado no Projeto de Lei do Senado Federal (PLS 68/2017) e resultado da discussão de um grupo de especialistas ad hoc. Uma das recomendações se refere a uma ampliação nas dimensões esportivas existentes. Hoje estas são quatro: alto rendimento, participação, educacional (Lei 9.615/1998) e de formação (Lei 13.155/2015); e, de acordo com a proposta, seriam ampliadas para três níveis de serviço (formação esportiva, excelência esportiva e esporte para toda a vida) que, por sua vez, se dividem em três manifestações esportivas – totalizando nove manifestações.

Até abril de 2021, os municípios de 10 estados têm trabalhado na aplicação do instrumento. Quais sejam, Ceará, Paraná, Mato Grosso, Bahia, Santa Catarina, Minas Gerais, Sergipe, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Alagoas. Além das cidades pertencentes a estes estados, já está em processo de tratativa a aplicação do instrumento estados do Rio Grande do Sul, Amazonas Pernambuco, Maranhão, Roraima, Tocantins e Goiás.

Mais informações, clique aqui.